Macaxeira


Índice


Share


Sobre


Desde 2000, Ubatuba ou, mais especificamente, o Pontão da Fortaleza, vem se tornando um dos points mais tradicionais da cultura boulderista do país. Foi mais ou menos nesta época que a febre de "boulder" começou a se difundir no país como uma vertente exclusiva da escalada (e não somente uma forma de treinamento), e nos blocos de Ubatuba se desenvolveu bastante desta cultura adotada hoje por diversos escaladores brasileiros que optaram por esta modalidade.

Pico de Boulder a 10km de Recife, predominio de boulders técnicos, graduação variando de V0 a V7 talvez, além dos projetos...

A årea é relativamente bem desenvolvida, com cerca de 50 vias de boulder abertas e até um pequeno top-rope, que proteje um projeto mais longo.

É uma ótima opção pra quem está em Recife por outros motivos e quer dar uma escapada de algumas horas num habitat de escalador. São centenas de blocos, não muito altos, mas desafiadores da criatividade. A rocha é bem abrasiva e com poucas agarras, proporcionando uma escalada de técnica e paciência.

Há uma cultura de macaxeira (mandioca; aipim) no local, mas é feita uma rotação da área plantada, diversificando a facilidade do acesso aos boulders de acordo com a localização da plantação. Onde não há macaxeira o mato é expesso e espinhoso. Cuidado com as urtigas, que são abundantes, vá de calça, se possível.

É corriqueiro passar um dia de escalada tranquilo na Macaxeira sem ser incomodado. Contudo, já houve um episódio de assalto no local e é aconselhável adotar discrição e humildade. Pode-se estacionar o carro junto a casa da entrada do terreno, mas uma outra opção e deixá-lo estacionado no posto de gasolina 500 metros abaixo na estrada, o qual fica junto a um posto da Policia Rodoviária Federal, e voltar um pouco andando.

(por Felipe no Escalada Café)


Como chegar


Para chegar, basta pegar a Estrada da Batalha em direção às praias sul e seguir um pouco pela Br, prestando atenção à direita. Os boulders podem ser vistos na beira da estrada e o acesso se dá por trás de um local onde vendem-se plantas. Há uma pequena casa logo na entrada do terreno, com um pequeno fiteiro logo em frente, onde vende-se refrigerante gelado e comida caseira. A senhora que habita o casebre é quem permite o acesso aos escaladores. Ninguém fará perguntas, pode-se ir entrando, porém não custa dar alo.


Localização



Visualizar Climbing Points em um mapa maior


Previsão para os próximos dias




Vídeos



Fotos



Croqui



Referências


1. http://www.escaladacafe.com.br



Última atualização: 19/12/2011